segunda-feira, 21 de maio de 2012

MTV cria reality show cujo objetivo é perda da virgindade



“Você quer levar seu relacionamento a um nível mais profundo? Você está pronto para perder a virgindade ou tem um(a) amigo(a) que está pronto(a)? A idade adulta é um momento para se explorar o mundo. Novas relações, novas experiências, incluindo as sexuais… Agora a MTV deseja capturar esse tipo de coisa em uma nova série chamada My First… Estamos à procura de adultos que pensam estar preparados para ir até o fim.
Deixe a MTV acompanhar a sua jornada… enquanto você tenta perder a virgindade! Nós estaremos filmando se você conseguiu ou não alcançar o objetivo … mas não o ato em si! Se você tem 18 anos ou mais e está disposta a permitir que a MTV o acompanhe nessa jornada em direção a sua “primeira vez”, envie-nos um e-mail”.
Essa é a mensagem que a rede MTV divulgou no início deste mês em seu site RealityWanted.com e através das redes sociais. Embora procure pessoas com 18 anos ou mais, a tentativa da rede de televisão cujo público-alvo é exatamente os jovens causou polêmica.
Provavelmente muitas pessoas se sentiriam atraídas pela chance de se tornar uma “celebridade instantânea” e aparecer na televisão para milhões de expectadores no mundo todo. Por enquanto, o reality show My First… [Meu primeiro...] está em fase de pré-produção. Algum tempo atrás, o canal exibia uma espécie de reality show que acompanhava a vida de meninas de 16 anos que já estavam grávidas.
A cultura pop parece não conhecer limites e os altos índices de audiência de programas desse tipo comprovam que o público realmente tem interesse em observar a vida alheia. O que está em jogo aqui não é um relacionamento, o amor e as consequências do sexo. Tudo que importa, com certeza, é audiência.
Inicialmente, a emissora queria 40 candidatos e dentre eles selecionaria apenas alguns. Mas rapidamente os protestos começaram e a MTV se defendeu, dizendo que era apenas uma pesquisa preliminar. A emissora não divulgou quantas pessoas se inscreveram.
Grupos conservadores alegaram que o antigo canal de música estava se transformando em um produtor de pornografia juvenil. Os comentários da noticia no site Christiansermon, por exemplo, representam bem o choque causado na comunidade cristã pela proposta. A maioria dos cristãos ficou indignada com a possibilidade de uma emissora de televisão fazer uma promoção descarada da promiscuidade e desprezo da instituição sagrada do matrimônio.
Depois da repercussão negativa na mídia, a emissora afirma que irá reformular a proposta, mas o jornal New York Post afirma que o programa será cancelado.
O que a MTV propôs pode ser legal do ponto de vista jurídico, afinal qualquer pessoa de 18 anos poderia assinar o contrato, mas e do ponto de vista moral? Os cristãos norte-americanos tem feito repetidas campanhas de boicote a programas de televisão que ofendam claramente alguns de seus valores. Este mês a série GCB ou Good Christian Bitches, foi cancelada pela rede  ABC após alguns patrocinadores perceberem que o público está mais atento ao conteúdo e às mensagens dos programas.
Além do boicote proposto por vários lideres cristãos, algumas marcas não quiseram mais associar seus produtos a um programa considerado anticristão.
Traduzido e adaptado de New York Post e Sermonaudio

Post original em GospelPrime

Um comentário:

  1. QUE NOJO! Interessante que nos EUA, essas meninas de 16 anos que engravidam perdem a maior parte das amizades, mesmo no século XXI. Isso pq lá a promiscuidade é ainda vista como algo ruim, que atrasa e prejudica a vida dos adolescentes que desejam ter um futuro brilhante.

    Aqui no Brasil a gente não vÊ tanto isso, pois já estamos "acostumados" com nossas colegas de sala engravidando dos namorados ou ficantes. Essa palhaçada da MTV em promover a sexualidade de forma inconsequente, jogando o sexo como se fosse uma simples mercadoria com o intuito de obter no final dinheiro fácil (com audiência e patrocinadores) só prova o quanto a sociedade atual está doente e bitolada.

    Dê sexo fácil, dê prazeres fáceis, dê tudo fácil, faça com que os seres humanos acreditem que são bichos evoluídos dos macacos, dando-lhe razão para agir como bichos, e destrua uma nação inteira!

    ResponderExcluir