terça-feira, 15 de maio de 2012

Barack Obama pode perder 4 de cada 10 votos por apoiar casamento gay



Na quarta-feira (9) o presidente americano Barack Obama se declarou favorável ao casamento entre pessoas do mesmo sexo. Diante disso o Instituto Gallup realizou uma pesquisa para saber se esse pronunciamento vai ajudar ou atrapalhar a campanha presidencial do candidato à reeleição.
Pelo resultado desse estudo que ouviu 1.013 eleitores de todos os estados do país, quatro de cada 10 eleitores podem mudar de voto depois da declaração favorável ao casamento gay.
A pesquisa diz que para 13% dos americanos entrevistados a declaração aumenta a chance de Obama ser escolhido, mas 26% diz que depois dele apoiar o casamento entre homossexuais pode diminuir a possibilidade dele ser reeleito.
O Instituto Gallup também verificou que entre os eleitores independentes (isso é, que não se assumem como democratas, nem republicanos), Obama se mantém em 63% das declarações de voto, mas desses, 23% não gostaram do apoio dado por ele à legalização de uniões homoafetivas.
Entre os republicanos a rejeição é ainda maior, apenas 2% declararam que podem votar no atual presidente dos Estados Unidos e 52% afirmou que esse anúncio o distancia ainda mais do candidato conservador.
Nos Estados Unidos 51% da população aprova a união entre pessoas do mesmo sexo e 45% é contra. Os democratas são os eleitores mais liberais e apoiam essa decisão de Barack Obama.
Com informações VEJA

Post original em GospelPrime

0 comentários:

Postar um comentário